Festival Fundação das Artes de Teatro Estudantil – Roda Viva

Posted on Posted in Uncategorized

Última noite. Último espetáculo que acompanho nesta coluna. Já sinto certa dor no coração pela despedida. Mas “tudo é um ciclo. E tudo começa pelo fim.”. Talvez seja este o começo de uma nova história. Além de ter pego gosto por esta atividade, creio que ela seja fundamental. e já converso com pessoas no intuito de prosseguir neste processo. Mas ainda nem acabou e eu já estou me despedindo? Por favor, uma coisa de cada vez. E é melhor começar pela ficha técnica do pessoal da E.E. Carlos Gomes, lá de São Miguel Paulista.




E.E. Carlos Gomes – SÃO PAULO – SP

Grupo Filosofia da Coxia

Espetáculo
Roda Viva.
Texto de Chico Buarque.

Sinopse: A história de todo ídolo brasileiro, da sua ascensão até o declínio, dos seus dilemas até a sua glória.

Tempo de duração: 1h20.

Classificação etária: 10 anos.

Isso não é uma crítica
(É uma filosofada de plateia)


Pulverizando a quarta parede, com as portas abertas do teatro, parte do elenco sai para receber o público. A outra parte aguarda na plateia. Estranhamento e surpresa. Uau! Inicia-se a história da formação ou criação de um ídolo. Texto famoso de Chico, uma ousadia montá-lo, montá-lo da forma que foi montado.

Elenco com a faca nos dentes e sem medo de ser feliz. A turma veio de São Miguel Paulista, cantando próximo ao público, descendo do palco e dando o recado. A simplicidade do elenco vai nos encantando, nos envolvendo e quando menos percebemos, estamos completamente tomados de uma afeição genuína, um carinho gratuito. Logo passamos a torcer pelo espetáculo e por cada um dos garotos. E terminamos a peça cantando e aplaudindo juntos.



E quando a gente pensa que acabou, o elenco senta e dispara no discurso. Dita seu próprio ritmo e propõe sua reflexão. Salta da coxia e pula para o palco uma filosofia. Nome justificado. Filosofia de coxia. Discípulos de um mestre. Renan, professor de Geografia e Sociologia, grande referência, quiçá ídolo desses garotos. Um ano e meio filosofando na coxia. Aprendizado significativo e presente no discurso. Termino com a frase de um aluno. “Não dá pra ter aula com o Renan e sair do mesmo jeito.”. Bingo! Atuo, logo vivo ao vivo! Viva!


E teve uma atriz que deu um show de simpatia. Gabriela Sales. Agora é com ela.

Por fim, gravamos o último depoimento. Nem consegui concluir. Já bateu saudade.

VarleiXavier About VarleiXavier
Professor Xavier é meu herói preferido. Sempre me senti meio mutante, perdido e deslocado, mas o teatro (essa irmandade) me salvou. Desde então, com meus poderes mentais, recruto seres especiais para cumprir minha missão: Levar encantamento ao mundo. Professor, Ator, Dramaturgo, Diretor, Contador de Histórias e Sonhador Potente.